Ginasta e técnica sergipanas são convocadas para o Pan-Americano


Ginasta e técnica sergipanas são convocadas para o Pan-Americano

Esporte em 21 jun, 2022 19:34 Compartilhar imagem22-06-2022-01-06-54Iracema Alves e Maria Flávia (Foto: divulgação)

Após participação no Gymnasiade (evento escolar multiesportivo mundial), ao conquistar o resultado do nono lugar individual geral, sétimo lugar no aparelho arco e oitavo no aparelho maças, a ginasta do Colégio Jardins e Clube Jardins Iracema Alves, Maria Flávia Britto, também foi a única atleta de Sergipe convocada a compor a seleção brasileira para o Campeonato Pan-Americano de Ginástica Rítmica, que acontecerá de 05 a 10 de julho, no Rio de Janeiro/RJ. A técnica Iracema Alves também foi convocada para a equipe.

Para Maria Flávia, essa conquista mostra que todo o trabalho e empenho junto às técnicas valeu a pena e continuará valendo. “Estou muito feliz por essa conquista. É uma sensação única, um sentimento de realização de um grande sonho. Tenho muita gratidão a Deus e a todos que estão ao meu lado fazendo com que esse sonho se torne real. Já estou em preparação e dando o meu melhor todos os dias, além de fazer o possível para evoluir a cada treino e obter o melhor resultado”, ressalta a ginasta.

Com uma parceria de anos entre treinadora e atleta, a técnica Iracema Alves explica que elas passaram por um período de avaliação de forma virtual e nos eventos os quais as ginastas da equipe participaram. “Esse resultado é decorrência de muito treino e dedicação. Será a minha primeira participação no Pan como técnica e de Maria Flávia como ginasta. Ela teve um grande desempenho no Gymnasiade e melhora a cada dia. É uma atleta muito talentosa, dedicada e esforçada. Estamos muito felizes”.

Ainda de acordo com a técnica, Maria Flávia é uma ginasta em crescimento e com muito potencial para conseguir resultados expressivos para o país. “Ela é uma ginasta especial e ainda tem muito a desenvolver, mas é nítida a sua evolução. Tenho muito orgulho do que estamos construindo e juntas nos aperfeiçoamos para conseguir melhorar. Fafá treina duro, tem maturidade e sabe onde quer chegar. Estamos realizando sonhos”, destaca Iracema.

Quanto à rotina de treinos, o trabalho para formar uma atleta exige muito estudo e prática, segundo afirma Iracema. “Enquanto técnica, amo o que faço, e a cada dia quero aprimorar esse trabalho. Agradecemos a todos que torcem por nós e aos nossos apoiadores: Sicred, Centrus e Colégio Jardins, em nome de Maria Venizia Moreira, por todo apoio desde o início da nossa trajetória. Sem vocês nada disso seria possível”.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *